MP 627

?Contrabando? em MP isenta Hyundai de R$1 bilhão em impostos por ano

'Contrabando' em medida provisória pretende livrar montadora Hyundai de pagar R$ 1 bilhão em impostos por ano

acessibilidade:

Nesta terça (13), último dia para sancionar (ou vetar) a Medida Provisória 627 e todos os seus ?contrabandos?, a presidenta Dilma está na iminência de beneficiar mais uma vez o Grupo Caoa Hyundai, e sua fábrica em Anápolis (GO). Segundo a MP 627, o governo abriria mão de mais de R$ 1 bilhão anuais em impostos, por mais cinco anos. Desde 2010, a Hyundai é beneficiada pela isenção, que deveria acabar em 31 de dezembro de 2015. A MP estende a moleza até 2020.

Se o Diário Oficial não publicar nesta quarta a MP 627, sancionada ou vetada, ela vira lei. E torna alguns políticos ainda mais ricos.

É a segunda vez que a Lei 9.826/99 é alterada. O texto original previa prazo até 2010, mas foi estendido para 2015, a oito meses do prazo.

A MP 627 tem ?contrabandos? como isenção de impostos para remessa de dinheiro ao exterior e até anistia de multas dos planos de saúde. Leia mais na Coluna Cláudio Humberto.

Reportar Erro