CPI da Petrobras

Com tantos implicados, PT aposta em pizza na CPI

Lava Jato: são tantos enrolados que governo está despreocupado com CPI

acessibilidade:

É tão expressivo o número de políticos citados na Operação Lava Jato, da Polícia Federal, cujos autos foram disponibilizados à CPI Mista da Petrobras, que o PT agora aposta no desinteresse dos próprios partidos em aprofundar investigações. Dirigentes petistas alegam que, por se tratar de uma CPMI ampla e ?sem foco?, os partidos dificilmente vão trazer à tona denúncias que os prejudiquem em pleno ano eleitoral.

A 13a Vara Federal de Curitiba permitiu acesso ao processo, que corre em segredo de justiça. Mas a turma CPI, a rigor, nem quer saber disso.

A CPI Mista da Petrobras recebeu provas colhidas nas investigações, e dados bancários e interceptações telefônicas de Paulo Roberto Costa.

Além de políticos, investigações da Operação Lava Jato pegaram os chefões de grandes empreiteiras, todas no topo das doações eleitorais.

Os políticos e os empreiteiros que os financiam celebram a Copa do Mundo, que despachou a CPMI da Petrobras para plano secundário. Leia na Coluna Cláudio Humberto.

Reportar Erro