Mais Lidas

Fora da curva

Anúncio de ‘zero óbito’ por dengue em São Paulo gera desconfiança

Suspeita é que sintomas da dengue têm sido confundidos com os sintomas de Covid

acessibilidade:
Casos de dengue em Brasília, por exemplo, totalizaram mais de 40 mil, em 2020, e 44 óbitos. Foto: Dênio Simões/Agência Brasília.
Casos de dengue em Brasília, por exemplo, totalizaram mais de 40 mil, em 2020, e 44 óbitos. Foto: Dênio Simões/Agência Brasília.

Intriga os especialistas o anúncio do governo de São Paulo de que não houve mortes por dengue no município, no ano passado.

“Não ter em 2020 nenhum óbito por dengue, acho difícil”, observa o médico infectologista Leandro Machado, de Brasília, onde foram registrados 47.422 casos e 44 mortes.

A suspeita é que casos de dengue podem ter sido confundidos com os de Covid, pela semelhança dos sintomas. Em casos extremos, como na Covid, a dengue pode até causar complicações nos pulmões.

Ele diz que é possível confundir febre, cefaleia, dor no corpo, sintomas da dengue, com o quadro de infecção por covid-19.

Outra hipótese é que a pandemia pode ter feito as pessoas pararem de investigar a dengue, ocasionando a queda do número de casos.

O infectologista Leandro Machado ressalva, no entanto, que São Paulo já não havia registrado óbitos por dengue em outros anos.

Vídeos Relacionados