Funeral é incerto

Corpo de Navalny é finalmente entregue à família pelo governo russo

Informação foi dada pela porta-voz do opositor de Vladimir Putin, uma semana após morte suspeita na prisão

acessibilidade:
Alexei Navalny morreu durante caminhada em colônia prisional no na região siberiana. Foto: Michał Siergiejevicz/Flickr

O corpo de Alexey Navalny foi finalmente entregue à sua mãe, Lyudmila, na cidade russa de Salekhard, uma semana após a morte suspeita do maior opositor do governo de Vladimir Putin, A informação foi divulgada neste sábado (24), pela porta-voz da família de Navalny, Kira Yarmysh.

O líder de oposição ao Kremilin morreu, no último dia 16, na penitenciária da região de Yamalo-Nenets, onde cumpria pena há cerca de três anos. Segundo a Rússia, durante uma caminhada. Mas o regime de Putin é acusado de matá-lo.

A demora para o envio do corpo foi tratada como “sequestro” pela mãe e a viúva de Navalny, Yulia Navalnaya. E o presidente dos Estados Unidos, Joe Diden, chegaram receber Yulia e sua filha, Dasha, em encontro no qual o líder americano destacou a “incrível coragem” de ambas e disse-lhes que não iria desistir da luta pela liberação do corpo e para manter viva a visão de um futuro melhor para a Rússia.

Kira Yarmysh disse que o funeral ainda está pendente. “Não sabemos se as autoridades irão interferir para que tudo seja feito como a família quer e como Alexey merece”, disse a porta-voz, ao agradecer àqueles que exigiram a liberação do corpo.

Oposição corajosa

Navalny foi condenado em agosto do ano passado a uma pena de 19 anos de prisão, acusado de criar e financiar um grupo de ativistas extremistas e de cometer outros crimes. Na ocasião, cumpria pena de outra condenação a 11 anos e meio de prisão, por fraude e outras acusações. E afirmava que as condenações foram motivadas por sua atuação política.

Sua prisão ocorreu em janeiro de 2021, após voltar da Alemanha, onde se tratou de suspeita de envenenamento, depois de expor a corrupção na cúpula governo da Rússia e de fazer campanha contra o partido de Putin, mobilizando os maiores protestos de oposição, nos últimos anos.

Veja o encontro de Biden com a família de Navalny:

Reportar Erro