Novo recorde

Divisão esportiva da Mercedes-Benz tem melhor ano da história no Brasil

Em 2022, a AMG bateu o recorde de vendas no país, com mais de 800 esportivos emplacados ao longo dos 12 meses

acessibilidade:
Modelos Mercedes-Benz AMG.
Divisão esportiva da Mercedes-Benz tem melhor ano da história no Brasil. Foto: MB.

Como vimos no To5 de esportivos mais vendidos do país em 2022, a categoria é uma que mais comemora no mercado automotivo nacional. Com números cada vez mais expressivos, o segmento contribuiu com o recorde de uma marca, a Mercedes-Benz. 

Em 2022, a divisão esportiva da alemã, a AMG, emplacou sonoros 807 unidades, recorde absoluto da marca no país. Destes, 108 emplacamentos foram do GLE 53 SUV, o utilitário médio envenenado da montadora da estrela. 

Atualmente, a montadora conta 20 modelos diferentes na divisão AMG. Os SUVs são, obviamente, os que mais têm representantes, com seis modelos, coupés, hatches e elétricos contam com um cada e sedãs com dois, sendo um deles o único elétrico. 

Como qualquer esportivo, os modelos da Mercedes não custam pouco. Para se ter uma ideia, atualmente, o modelo mais barato da marca no país é o A 35 4Matic, que parte de R$ 439.900. Já o mais caro é o caçula da família, o 100% elétrico EQS 55 Sedan, lançado no ano passado, e seus insanos R$ 1.399.900.

Só o modelo mais vendido movimentou mais de R$ 91 milhões para a marca em 2022 no Brasil. O GLE 55 4Matic SUV parte de impressionantes R$ 848.900.

“Nossos clientes estão buscando cada vez mais automóveis esportivos de alta performance e queremos atender a esses desejos oferecendo uma ampla linha de modelos e experiências de marca únicas por meio do AMG Private Lounge Brasil e dos concessionários AMG Performance Center”, aponta Gabriel Valadão, head de vendas automóveis da Mercedes-Benz Cars & Vans Brasil.