Mais Lidas

Ministério da Educação

Deschamps aparece como opção para o MEC, após desistência de Feder

Ex-secretário de Educação de SC, Eduardo Deschamps ressurge com força no páreo

acessibilidade:
Eduardo Deschamps, ex-secretário estadual de Educação de Santa Catarina.

O temor de ser novamente descartado levou o secretário de Educação do Paraná, Renato Feder, publicar post “declinando” do Ministério da Educação. Ele já havia aceitado o convite, em conversa ao telefone com o presidente Jair Bolsonaro, quinta (2). Mesmo avisado de que a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) ia averiguar sua “ficha”, Feder preferiu evitar um novo vexame. Ressurge com força o nome do ex-secretário de Educação do governo de Santa Catarina, Eduardo Deschamps. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Com a demora em ser anunciado, Renato Feder se convenceu de que estava fora e tentou criar uma narrativa para não ser “chutado” outra vez.

O problema é que a Abin detectou problemas da empresa de Feder com a Justiça, em um caso se acusação de suposta sonegação de ICMS.

A empresa Multilaser tem contratos com o governo federal, o que também poderia ser alegado contra ele pela oposição.

O caso Decotteli, que falsificou o seu próprio currículo, fez de Bolsonaro “gato escaldado”, daí a necessidade de checar a ficha de indicados.