Mais Lidas

Monitoramento intensivo

Comitê de crise montado por Bolsonaro desmente discurso de ‘pouco caso’

Centro de operações reúne 153 técnicos de todas as áreas federais, que se revezam 24 horas por dia

acessibilidade:
Centro de operações reúne 153 técnicos de todas as áreas federais, que se revezam 24 horas por dia em um mutirão. Foto: PR.

O presidente Jair Bolsonaro montou no 2º andar do Palácio do Planalto, embaixo do seu gabinete, uma estrutura que desmente a própria atitude de subestimar o coronavírus. O Centro de Operações do Comitê de Crise da Covid-19 reúne 153 técnicos de todas as áreas federais, incluindo representantes de ministérios e agências reguladoras, que se revezam 24 horas por dia em um mutirão de combate aos efeitos da pandemia. O Comitê ocupa o Salão Oeste e também o “Salão Oval” do Planalto. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Jornalistas batizaram de “Salão Oval” a Sala de Reunião Suprema, que é retangular e tem duas mesas côncavas, para reuniões ministeriais.

O Comitê de Crise instrui, com informações em tempo real, decisões que Bolsonaro possa adotar no combate à pandemia no Brasil e no mundo.

Foi o Comitê de Crise que tratou da repatriação de 25 mil brasileiros surpreendidos no exterior com voos cancelados em razão da pandemia.