ONGs internacionais

ONGs barram acesso de senadores em terra yanomami, denuncia Damares

Damares alerta que 'ONGs internacionais estão mandando em áreas de fronteira e a soberania nacional está em risco'

acessibilidade:
Senadora Damares Alves (Republicanos-DF) (Foto: Agência Senado)

Membros da Comissão Externa do Senado Federal foram impedidos de entrar na área yanomami, a denúncia foi feita pela senadora Damares Alves (Republicanos-DF), nesta quinta-feira (13).

“ Que fique registrado: ONGs internacionais estão mandando em áreas de fronteira e a soberania nacional está em risco”.

Damares conta que os senadores que estão em missão oficial em Roraima, para acompanhar a retirada de garimpeiros do local, foram barrados por  recomendação da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai), que acatou pedido de ONGs indígenas.

 “ONGs de extrema esquerda exigiram que a Funai enviasse para eles os nomes de parlamentares, assessores e demais convidados que participariam da missão, estipularam um local específico para pouso do avião e impuseram que representantes das ONGs fossem integrados à comitiva. Em virtude do desconforto dessas ONGs, a Comissão do Senado, em missão oficial, não pode entrar em terras yanomami”. 

A informação de que a comitiva não poderia ir à área indígena durante a missão desta quinta-feira consta em ofício enviado pela Presidência da Funai, Joenia Wapichana, na última terça-feira (11).

Damares ressalta que quando era ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos também foi impedida de entrar na região. 

“Quando fui ministra, apesar da minha Pasta não cuidar da política indigenista, eu cuidava de crianças, tentei entrar em área yanomami algumas vezes e nunca consegui. Sempre fui desaconselhada a entrar lá por causa das ONGs de extrema esquerda”.

Damares vai levantar a discussão sobre o assunto na Casa, durante a próxima semana. “Nós não somos extrema direita, nós amamos este país. Essa é a diferença entre nós e a extrema esquerda”.

A Comissão Externa do Senado Federal tem a missão de acompanhar a retirada de garimpeiros de áreas yanomami.

Reportar Erro