Mais Lidas

Ex-governador

PSB oficializa candidatura do ex-governador Márcio França à prefeitura paulistana

Ex-governador se apresentou como um nome que pode construir pontes em meio à polarização

acessibilidade:
O ex-governador de Sao Paulo, Marcio Franca. Foto: Marcos Corrêa/PR

O Partido Socialista Brasileiro (PSB) oficializou nesta sexta-feira, 11, a candidatura do ex-governador Márcio França para concorrer à Prefeitura de São Paulo. A definição ao cargo de vice ocorre neste sábado (12) durante convenção do PDT. O nome mais cotato é de Antonio Neto do PDT.

O evento do Diretório Municipal do PSB ocorreu no Auditório da Câmara Municipal de São Paulo, no Centro da capital. O evento foi transmitido pela internet e teve votação on-line e presencial.

Márcio França disse que não estava pensando em ser candidato à Prefeitura de São Paulo, mas foi convidado pelo partido. “A gente já tinha passado essa fase da questão de pensar em prefeitura, mas a vida é engraçada, quando você menos espera surge uma convocação.”

Apesar de se declarar amigo do atual prefeito Bruno Covas (PSDB), França não poupou críticas à atual gestão do município.

O candidato também criticou a forma de governar de alguns políticos que são de partidos opostos e disse que, se eleito, vai dialogar com todas esferas de governo (estadual e federal).

Em seu discurso, França ainda refutou as associações de seu nome ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e se apresentou como um nome que pode construir pontes em meio à polarização.

“Vamos mostrar que é possível conviver completamente antagônicos, não há problema nenhum. O fato de eu ser de um jeito e o outro do outro [jeito], não quer dizer que você é meu inimigo. Nós pensamos diferentes, só isso. E você me respeita por isso e eu te respeito”.

A candidatura de França contou com a coligação do Partido Democrático Trabalhista (PDT), Avante, Partido da Mobilização Nacional (PMN) e Solidariedade e foi nomeada com “Aqui tem palavra”.

Vídeos Relacionados