Mais Lidas

Ação desastrosa

Bolsonaro pede e PL retira ação no TSE contra atos no Lollapalooza

Presidente teria ficado extremamente irritado e ligado para Valdemar da Costa Neto, presidente do partido, para tomar providências

acessibilidade:
A foto registra o momento em que Valdemar Costa Neto, presidente do PL, recebe a filiação do presidente Jair Bolsonaro.

O presidente Jair Bolsonaro, recém-filiado ao PL, segundo informações de bastidores, ligou para o presidente do partido, Valdemar da Costa Neto, pedindo que a ação para impedir atos contra ele e a favor do ex-presidente Lula no festival Lollapalooza.

Durante a conversa, Costa Neto informou Bolsonaro que a estratégia de acionar o Tribunal Superior Eleitora (TSE) para evitar propaganda antecipada a favor do petista foi do departamento jurídico do PL, mas que iria encaminhar a solicitação de Bolsonaro para avaliação.

Pouco tempo depois, a equipe jurídica do PL enviou a desistência da ação ao TSE. “Partido Liberal – 22, já qualificado nos autos, vem, respeitosamente, requerer a desistência da ação, com consequente arquivamento do feito”, diz o documento assinado pelos advogados do partido.

A celeuma foi criada após artistas carregar bandeira com o rosto do ex-presidiário e fazer gesto alusivo ao nome de Lula, mas Bolsonaro diz ser preciso deixar as pessoas criticarem quem quiserem, seja ele, seja Lula, seja quem for.

Reportar Erro