Mais Lidas

Petista em Roma

Senado reage a ‘prêmio’ para o ex-ministro petista Patriota

Ferraço reage a ex-ministro de Dilma como embaixador em Roma

acessibilidade:

Ex-presidente da Comissão de Relações Exteriores e líder da bancada antiDilma na Comissão do Impeachment, o senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES) ficou perplexo com a indicação do ex-chanceler Antonio Patriota à embaixada do Brasil em Roma. “É um tapa na cara da sociedade”, reagiu, confessando-se tomado por “profunda decepção” e decidido a fazer chegar sua indignação ao governo. Patriota é um dos diplomatas mais ligados ao PT e conhecido pela sabujice a Dilma. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Na era Patriota, Ferraço acompanhou de perto a sórdida perseguição a Eduardo Saboia, diplomata que desafiou o bolivarianismo de Dilma. 

Eduardo Saboia foi perseguido por salvar o ex-senador Roger Molina, que, caçado na Bolívia, asilou-se na embaixada do Brasil em La Paz.

A última de Patriota foi barrar o acesso de deputados de oposição à ONU, quando Dilma foi lá para contar lorotas sobre “golpe” no Brasil.

Reportar Erro