Mais Lidas

BC, TCU, AGU e reguladoras

Senado aprova oito projetos de reajuste de servidores

Aumentos contemplam Banco Central, TCU, AGU e agências reguladoras

acessibilidade:

O Senado aprovou por unanimidade nesta terça-feira (12) oito projetos que concedem reajustes salariais para servidores públicos civis e militares da União. Os contemplados são os servidores do Tribunal de Contas da União (TCU), da Advocacia-Geral da União (AGU), da Câmara dos Deputados, do Banco Central, de agências reguladoras, de militares das Forças Armadas e de servidores do magistério federal e de outras carreiras da educação.

Todos os projetos com aumentos seguem para sanção do presidente interino Michel Temer. Os reajustes, negociados antes do afastamento da presidente Dilma Rousseff, foram assumidos pelo governo atual.

No caso dos servidores do TCU, o reajuste será de 31,32%, em quatro parcelas, até 2019. O aumento contempla cargos efetivos e funções comissionadas do órgão.

Os servidores da Câmara dos Deputados também terão aumento em quatro parcelas: 5,5% em 2016, 5% em 2017, 4,8% em 2018 e 4,5% em 2019.

O aumento aos professores será de cerca de 20%, também ao longo de quatro anos.

Esses reajustes a servidores públicos acontecem em um momento em que o governo prevê um rombo de R$ 170,5 bilhões nas contas públicas para este ano. Já para 2017, a previsão é que as despesas do governo superem as receitas com impostos em R$ 139 bilhões.

Há duas semanas, o Senado já havia aprovado reajustes salariais para de até 41,47% para os servidores do Judiciário e de 12% para analistas e técnicos do Ministério Público da União.

Vídeos Relacionados