Mais Lidas

Irregularidades

Santos tenta se manter na CNC, que preside há 33 anos

No cargo há 33 anos, chefão da CNC tenta continuar agarrado ao poder

acessibilidade:

Afastado por decisão judicial da presidência da Confederação Nacional do Comércio (CNC), por suspeita de irregularidades, Antonio de Oliveira Santos tenta derrubar a medida liminar do juiz Josimar de Miranda Andrade, da 20ª vara Cível do Rio de Janeiro, para permanecer agarrado ao cargo que ocupa há mais de 33 anos.

Antonio de Oliveira Santos, que também preside o Conselho Nacional do Sistema Sesc/Senac, é alvo de graves denúncias de irregularidades na gestão de mais de R$ 9 bilhões ao ano de contribuições previdenciárias. Em razão dessas irregularidades, foi punido pelo Tribunal de Contas da União.

Com a punição do TCU,  o afastamento do cargo deveria ser automático, mas uma série de manobras e omissões permitiu que Santos fosse colocado acima da lei. Ao ser cobrado para tomar providências, por exemplo, o presidente do Conselho Fiscal do Sesc, Carlos Eduardo Gabas, afirmou que iria ?abster-se?, e agora corre o risco de responder na Justiça por sua omissão.

Reportar Erro