Mais Lidas

TRAGÉDIA NO PAISSANDU

Prédio de 24 andares desaba durante incêndio no Centro de São Paulo

Homem caiu com prédio em chamas, onde viviam 50 famílias em SP

acessibilidade:

Um prédio de 24 andares no Centro de São Paulo, onde viviam 50 famílias em ocupação irregular, desabou em chamas por volta das 3 horas de hoje (1º), após ter sido atingido por um incêndio. O edifício, que ficava na Avenida Rio Branco, na região do Largo do Paissandu, era ocupado por um movimento social de defesa ao direto a moradia. 

A reportagem da GloboNews fez imagens do momento de tentativa de resgate de um homem que seria içado por uma corda, quando o prédio desabou, levando a vítima junto. O Corpo de Bombeiros de São Paulo tenta localizar o homem, sem descartar a hipótese de estar vivo, apesar de a temperatura no prédio ter alcançado 700º C. Há pelo menos três desaparecidos. E uma faixa da avenida Rio Branco foi tomada pelos escombros do edifício que desabou. 

Prédio no Largo do Paissandu queimou na madrugada (Foto: Bombeiros/SP)Um segundo prédio, próximo ao que desabou, também foi atingido pelo incêndio. O edifício, no entanto, estava vazio e as chamas estão restritas a um único andar. Cerca de 160 membros do Corpo de Bombeiros atendem a ocorrência, em 57 viaturas, além de unidades da Polícia Militar, SAMU, CET e Defesa Civil.

Moradores relataram que o fogo começou pelo segundo andar e se espalhou rapidamente. E ainda citam a existência de pessoas no topo do prédio no começo do incêndio.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros afirmam que uma perícia poderá confirmar com certeza as causas do incêndio.  E a Defesa Civil está no local para verificar possíveis danos nas edificações do entorno da ocorrência, que tevem acesso bloqueado pela CET.

As famílias serão acolhidas em abrigos, que estão sendo providenciados pela SMADS (Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social).