Durante Marcha

Vadias expulsam mendigo

Manifestantes dizem que foram agredidas pelo rapaz

acessibilidade:

Rola na internet um vídeo onde participantes da ?Marcha das Vadias?, realizada no último dia 22, em Brasília, aparecem hostilizando um morador de rua que sofre de problemas mentais. O rapaz, que responde pelo nome Ramon, é bastante conhecido entre as pessoas que trabalham perto do local e nenhuma relatou ter tido problemas com ele.

As vadias garantem que o grupo é variado, composto por homens e mulheres, mas os que observaram e gravaram a cena disseram que Ramon sofreu maus tratos por ser homem e negro. Em nota, a organização da marcha diz que ?o vídeo mostra apenas um fragmento do que aconteceu e propõe uma interpretação limitada da cena?. Elas acusam o morador de rua de ter sido agressivo ao levantar a blusa e tentado abaixar as calças quando avistou algumas manifestantes com os peitos a mostra. ?No momento da chegada da comissão de segurança ao local onde ele estava, o homem xingava uma manifestante, ameaçando bater nela com a muleta?, justificam no texto.

Para expulsar Ramon da Marcha, as vadias acionaram buzinas ensurdecedoras. Trata-se de uma ação ?padrão? utilizada por elas quando entendem que estão sendo ?constrangidas e oprimidas?. A Marcha das Vadias acontece há três anos em Brasília e vai às ruas para denunciar formas de machismo e violência contra a mulher.