Terrorismo é descartado

Paciente mata médico a tiros em hospital, na Alemanha

Polícia não sabe o que motivou o crime e descarta terrorismo

acessibilidade:

Um médico foi morto por um paciente em um hospital no distrito de Berlim, na Alemanha. O crime aconteceu na manhã desta terça-feira (26) e o homem se matou em seguida. A polícia ainda não sabe o que motivou o assassinato e, por enquanto, não há indícios de que seja um ato terrorista.

O médico foi baleado e chegou a ser socorrido, com cuidados intensivos, mas não resistiu aos ferimentos. O crime aconteceu no campus Benjamin Franklin, do Hospital Universitário Charite, em Steglitz.

Uma sucessão de ataques nos últimos dias deixa a Alemanha em um clima de tensão. Mais esse ato de violência assusta a população.