Força-tarefa

Fiscalização apreende 20 mil mídias piratas no Distrito Federal

Nos últimos quatro dias, 84 mil mídias foram recolhidas e 17 pessoas detidas

acessibilidade:

A operação antipirataria da Secretaria da Ordem Pública e Social (Seops), realizada este fim de semana, apreendeu 20 mil mídias falsificadas durante a fiscalização nas regiões administrativas do Núcleo Bandeirante, Guará, Estrutural, Paranoá, Itapoã, Ceilândia e Samambaia.

A maior apreensão ocorreu na Feira Permanente da Estrutural, onde 4,3 mídias foram recolhidas. Os vendedores fugiram quando os policiais chegaram e ninguém foi preso.

Durante a fiscalização, um homem foi detido em Samambaia com 470 CDs e DVDs, um carrinho de som e um tocador de DVD. Ele foi encaminhado a 26º Delegacia de Polícia, e liberado após prestar depoimento. Se comprovado o crime de violação de direito autoral, ele pode pegar até quatro anos de prisão, além de multa.

Com está operação, a Secretaria da Ordem Pública e Social (Seops) completa quatro dias de apreensões, com 84 mil mídias recolhidas e 17 pessoas detidas.