Imprensa livre

ONU aprova resolução sobre a segurança de jornalistas

O dia 2 de novembro foi escolhido para homenagear os jornalistas

acessibilidade:

Por iniciativa de Argentina, Áustria, Costa Rica, Grécia e Tunísia, a Organização das Nações Unidas (ONU) aprovou uma resolução sob o título ?A segurança dos jornalistas e a questão da impunidade? com o objetivo de defender o direito à vida de jornalistas e outros profissionais da imprensa. A decisão, tomada na 68a Assembleia Geral da ONU, foi comemorada pelo Itamaraty.

De acordo com o texto do projeto, são condenados qualquer ataque ou violência praticada contra jornalistas, como seqüestro, tortura, assédio, execuções extrajudiciais e prisões arbitrárias. Além disso, a resolução institui o dia 2 de novembro como o Dia Internacional para o Fim da Impunidade de Crimes Contra Jornalistas. O dia foi escolhido em homenagem aos jornalistas da Radio France, Ghislaine Dupont e Claude Verlon, mortos durante o exercício da profissão.