Mais Lidas

Petrolão

Odebrecht vive expectativa de prisão de diretores

Odebrecht vive expectativa de prisão de seus diretores na Lava Jato

acessibilidade:

A Odebrecht vive a expectativa da iminente prisão de seus principais dirigentes, no âmbito da Operação Lava Jato, diante da suspeita de que a empreiteira seria a mais beneficiada pelo esquema de contratos obtidos mediante cartel, fraude em licitações e pagamento de propinas a autoridades e funcionários. A favorita dos governos Lula e Dilma, inclusive na Petrobras, concentra quase 53% de todos os contratos.

Fontes da Odebrecht afirmaram que o ?clima? na cúpula da empresa é desolador, com os preparativos para enfrentar a decretação de prisões.

No despacho em que mandou prender poderosos empreiteiros, o juiz federal Sérgio Moro cita a Odebrecht pelo menos 14 vezes.

Moro explica, na decisão, que não prenderia os diretores da Odebrecht ?por hora?, sugerindo que a providência não estava descartada. Leia na Coluna Cláudio Humberto.