#vemprarua

Ibope revela que manifestações têm 89% de aprovação

acessibilidade:

FacebookOitenta e nove por cento dos brasileiros são a favor das manifestações populares que tomaram conta do país durante a Copa das Confederações. Embora 84% não tenham participado dos protestos, apenas 9% da população é contrária às manifestações, informa a Edição Especial da Pesquisa CNI-Ibope divulgada nesta quinta-feira (26) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

?Quanto maior a idade do entrevistado, mais alto o percentual de marcações contrárias às manifestações. Entre os com 50 anos ou mais, 15% são contra?, diz a pesquisa. A posição contrária também é maior entre os com menor grau de instrução e com menor renda familiar. Entre os entrevistados com até a 4ª série do ensino fundamental, 17% disseram ser contrários às manifestações. Entre os que ganham até um salário mínimo, o percentual é de 16%.

O levantamento informa ainda que mais de 30% da população desaprova totalmente as ações dos governos federal, estadual e municipal e do Congresso Nacional em resposta às manifestações. ?Transformando a avaliação em uma escala de zero a dez (considerando apenas as respostas válidas), a presidente Dilma Rousseff recebeu a maior nota média: 4,0. A Câmara dos Deputados ficou com a pior nota: 2,8?, diz a pesquisa.

A pesquisa revela também que 34% dos brasileiros pretendem participar caso haja novas manifestações. Apontado por 43% dos entrevistados, o principal motivo que faria a população participar dos protestos é a obtenção de mais recursos para a saúde. Outras razões apontadas são: contra a corrupção (35%), mais segurança pública (20%) e contra a inflação (16%).

A Edição Especial da pesquisa CNI-Ibope foi feita com 7.686 eleitores em 434 municípios entre os dias 9 e 12 de julho.

Com informações da Confederação Nacional da Indústria.