Vendas natalinas

Com os juros em alta, comércio puxa o freio e vendas decepcionam

acessibilidade:

Expectativa é não repetir esta cena, registrada em 2011

Dados divulgados pela Serasa Experian apontam que as vendas natalinas cresceram 2,7% na semana de 18 a 24 de dezembro, comparado com o mesmo período do ano passado. De acordo com a empresa de consultoria, este foi o pior desempenho desde que o levantamento começou a ser feito.

O encarecimento do crédito, determinado pelas sucessivas altas nas taxas de juros, proporcionou um crescimento mais fraco das vendas de Natal neste ano. Os números revelam uma desaceleração do comércio, que já chegou a registrar crescimento de 15,5% (2010).