Mais Lidas

Prisão

Geddel Vieira Lima chega a Brasília e é levado à superintendência da PF

Prisão foi ordenada pelo juiz federal Vallisney de Souza, do DF

acessibilidade:

O ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) chegou a Brasília no início da madrugada desta terça-feira (4). Ele foi levado para a superintendência da Polícia Federal e pode ser transferido para o Complexo Penitenciário da Papuda ainda hoje.

Geddel foi preso na tarde de ontem (3) por determinação do juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara da Justiça Federal do Distrito Federal. Ele é suspeito de atrapalhar as investigações da Operação Cui Bono, que apura fraudes na liberação de crédito da Caixa Econômica.

Entre os anos de 2011 e 2013, no governo de Dilma Rousseff, o ex-ministro foi o vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa.

Segundo auditores que fizeram o pedido de prisão, Geddel estaria tentando evitar que o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha e o doleiro Lúcio Bolonha Funaro firmem acordo de colaboração com o Ministério Público Federal (MPF). Para isso, tem atuado no sentido de assegurar que ambos recebam vantagens indevidas, além de “monitorar” o comportamento do doleiro para constrangê-lo a não fechar o acordo.

Vídeos Relacionados