Greve dos bancários

Fenaban informa que já há acordo para o fim da greve

A decisão ainda deverá ser aprovada em assembleias locais

acessibilidade:

Bancários entram em greve por tempo indeterminadoOs bancários entraram em acordo na madrugada desta sexta-feira (11) para acabar com a greve que já dura 22 dias. Segundo a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), a decisão ainda deverá ser aprovada em assembleias locais, mas o Comando Nacional dos Bancários e a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) já se acertaram.

Os bancários das cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco e Rio Grande do Sul farão assembleia na tarde de hoje. Já os outros sindicatos realizarão suas assembleias até, no máximo, a próxima segunda (14).

Pelo acordo feito, os bancários conseguiram 8% de reajuste (1,82% de aumento real) e 8,5% (2,29%) de reajuste para o piso da categoria. Porém, eles terão que compensar os dias parados até o dia 15 de dezembro, trabalhando uma hora a mais por dia.