Mais Lidas

PLS 30/2015

Duas comissões do Senado devem discutir lei de terceirização

Senadores divergem sobre projeto aprovado pela Câmara e alternativo

acessibilidade:

Considerada uma proposta alternativa a que foi aprovada na Câmara dos Deputados sobre terceirização, o PLS 30/2015 vai passar por duas comissões no senado Federal antes de ser votada no plenário.

O projeto, agora, vai para a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e após ser aprovado, se necessário, vai para Assuntos Socias e o parecer de Paulo Paim (PT-RS) vai a plenário, segundo informou o parlamentar.

Enquanto os sindicalistas trabalharam no Planalto contra a sanção do projeto pelo presidente Michel Temer, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), garante trâmite normal pelo projeto alternativo.

O senador Paulo Bauer (PSDB), líder do partido no Senado, é a favor do projeto que foi aprovado pela Câmara e que está prestes a ser sancionado por Temer. Já o líder do PMDB, Renan Calheiros (AL), pediu ao presidente que o projeto atual não seja sancionado porque, segundo ele, prejudica as relações de trabalho.

Vídeos Relacionados