Mais Lidas

Copia, mas faz

Candidato de Renan usa bordão de Paulo Maluf em Maceió

Peça de Maluf foi copiada para campanha do ex-prefeito Ciço

acessibilidade:

Uma peça da propaganda eleitoral do candidato a prefeito de Maceió Cícero Almeida, o Ciço (PMDB), tem chamado a atenção nas redes sociais, em meio ao reinício do jogo duro contra o líder da disputa Rui Palmeira (PSDB). O slogan “Foi Cícero que fez” repetido durante alguns minutos, citando obras dos dois mandatos do ex-prefeito Ciço não é a única repetição no programa. A peça publicitária foi copiada de uma malfadada campanha do ex-governador paulista Paulo Maluf (PP) ao governo de São Paulo, no final dos anos 90.

A versão alagoana da marchinha “Foi Maluf que fez” ocupa a parte leve do programa do candidato a prefeito de Maceió apoiado pelo presidente do Senado Renan Calheiros (PMDB-AL). O programa copiado é de 1998, quando o agora deputado federal Paulo Maluf elencava obras realizadas quando foi governador de São Paulo nomeado pela Ditadura Militar, entre 1979 e 1982, e como prefeito paulistano por duas vezes, de 1969 a 1971 e de 1993 a 1996.

O deputado federal Ciço não foi o único a copiar a ideia para sua campanha. A também peemedebista e ex-prefeita de São Paulo, Marta Suplicy, utilizou peça similar em sua campanha à prefeitura paulistana deste ano de 2016.  

Marta ficou na quarta colocação na eleição vencida em 1º turno por João Dória (PSDB). A derrota foi o mesmo destino de Maluf, em 1998, que apesar de ter passado para o 2º turno, perdeu para o então governador Mário Covas (PSDB), que foi reeleito.

Veja o programa de Maluf que foi copiado:

Faz polêmica

Na lista de obras do “Cícero que fez” estão o viaduto Washington Luiz, que homenageia o desembargador-presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), afastado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) por ser investigado por corrupção e homicídios, e a Avenida Pierre Chalita, que teve parte da via destruída e tomada por lama meses depois de ter sido entregue no final da administração de Ciço. Além das orlas das praias da Pajuçara, da Ponta Verde e “do” Jatiúca, com o mar em destaque nas imagens.

O restante do programa de Ciço tem se dedicado às naturais críticas às políticas públicas e a acusações contra o Rui originadas de ações populares propostas à Justiça por denunciantes aliados de Ciço.

Veja o trecho da propaganda de Cícero Almeida, copiado de Maluf: 

“Recriação”

Procurada para comentar se houve necessidade de pedir alguma autorização aos criadores da propaganda de Maluf para adaptá-la à publicidade do ex-prefeito Ciço, a assessoria de comunicação da campanha do peemedebista encaminhou o seguinte texto:

“No mundo da propaganda, a recriação de peças bem-sucedidas é uma constante. Clássicos são reutilizados com nova roupagem a todo o momento. Acontece assim em Maceió, no Brasil afora e em todo canto do planeta onde haja liberdade.

 Numa eleição justa e democrática, como o cidadão exige, o debate sobre forma não deve jamais se sobrepujar a discussão sobre conteúdo e sobre a responsabilidade social de se informar o eleitor com a verdade.

E a verdade é que Cícero fez, é que Cícero faz e é que Cícero vai fazer muito mais por Maceió.

O mercado publicitário sabe que a propagada do candidato Rui Palmeira (PSDB) é uma colagem de plágios – com qualidade bem inferior – de campanhas do PT, entre elas, Fernando Haddad (2012) e Lula (2006). Campanhas, por sinal, investigadas pela Operação Lava-Jato. O conflito de ser um candidato tucano com marketing petista cabe ao próprio Rui explicar.

Antes de tentar criar um factoide para censurar a campanha de Cícero, o candidato Rui Palmeira deveria mostra o que fez. Se fez”