'Saída honrosa'

Cabral se oferece, mas Dilma não o quer ministro

Ele se ofereceu para ser ministro, pediu ajuda a Lula, mas Dilma resiste

acessibilidade:

É lorota do governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), a suposta ?sondagem? para virar ministro do governo Dilma Rousseff. A verdade ? segundo fonte com gabinete no Planalto ? é que Cabral se ofereceu para ser ministro com a curiosa alegação de que ?merece? o que chama de ?saída honrosa?, após entregar o governo fluminense ao vice Pezão. Mas a presidenta não quer nem ouvir falar nessa história. Leia mais na Coluna Cláudio Humberto.