Assédio no gabinete

acessibilidade:

Assedio no gabineteJânio Quadros era governador de São Paulo quando recebeu em seu gabinete, na tarde de 3 de setembro de 1955, a funcionária Diva Pereira de Lima, que reivindicava a readmissão no Departamento de Saúde. Papo vai, papo vem, segundo relato de Diva, Jânio partiu para o ataque, abraçando-a e tentando entrar com ela num armário, o ?ninho?. Ela recusou, ele desistiu:

– Foi melhor, Diva… Foi melhor você ter me resistido.

E nunca mais a recebeu.