Mais Lidas

Crise hídrica no DF

‘Aparelhada’ pelo PT, agência de água virou reduto anti-Rollemberg

Suspeita é que atuação de agência de águas 'detona' o governo

acessibilidade:

O governo de Brasília não havia decidido adotar racionamento de água por 48 horas, a partir desta segunda (23), mas a notícia surgiu com ares de “fonte oficial”, tornando inúteis os desmentidos do Palácio do Buriti. No governo, a certeza é que a história vazou da Agência Reguladora de Águas (Adasa), “aparelhada” por pessoas ligadas ao PT, com objetivo de desgastar o governador Rodrigo Rolemberg (PSB). A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Após derrotar o ex-governador petista Agnelo Queiroz, Rodrigo Rollemberg virou o adversário do PT a ser batido, na eleição de 2018.

Enquanto o governo tentava desmentir o racionamento, quinta (19), a Adasa elaborava a resolução que o autoriza. Publicou-a na sexta (20).

Assessores palacianos afirmam que a Adasa acolheu muitos petistas que perderam boquinhas no governo do DF e no governo federal.

Vídeos Relacionados