Mais Lidas

Combate ao crime

Alagoas tem a maior redução de homicídios do Nordeste, e Maceió se destaca

Queda em Alagoas foi de 15,8% e ainda maior na capital: 31,2%

acessibilidade:

A intensificação das ações operacionais e de inteligência das polícias alagoanas e da Força Nacional tem distanciado Alagoas do título de campeã em homicídios. Nesses três primeiros meses houve queda de 15,89% no número de Crime Violento Letal Intencional (CVLI).

O percentual dá ao Estado o melhor lugar em redução do crime, em relação aos demais Estados do Nordeste.

O Ceará ocupa a segunda colocação com queda de 15,60%. Em relação às capitais, Maceió diminuiu 31,28% a quantidade de mortes violentas, obtendo o melhor resultado. Fortaleza registrou 26,56%.

Para o secretário da Defesa Social e Ressocialização, Alfredo Gaspar de Mendonça Neto, o apoio aos servidores da segurança pública em seu dever legal e a integração entre as forças policiais são importantes para que os resultados favoreçam a sociedade.

O governador Renan Filho declarou que “não temos nada a comemorar. Esses números mostram que estamos no caminho certo. Mas sabemos que esse trabalho é diário e precisa melhorar ainda mais”.

Desde janeiro a Defesa Social registra diminuição nos números de CVLIs. A sigla engloba homicídio doloso, roubo seguido de morte (latrocínio), lesão corporal com resultado morte, resistência com resultado morte e outros crimes violentos contra a pessoa que resultem em morte.

“O mês de março teve uma redução mais acentuada, principalmente na região metropolitana”, informou o capitão Anderson Cabral, chefe do NEAC.

Pelo relatório do NEAC, o comparativo para março, entre os anos de 2014 e 2015, mostra queda de 25,7% neste ano. Foram 142 CVLIs em 2015 e 191 no ano passado. Esses dados são referentes à Alagoas.

Os dados para a Capital indicam queda de 36,4% em relação ao mesmo período de 2014 quando foram registrados 66 crimes violentos. Nesse último mês de março foram cometidos 42 Crimes Violentos Letais Intencionais.

Pelas estatísticas, o bairro do Jacintinho registrou os menores números do crime nos últimos três meses. No mesmo período do ano passado, o bairro sofreu 35 CVLIs. Este ano, o NEAC registrou 14; quase 50% a menos.

OUTROS DADOS

Em fevereiro deste ano, houve queda em Alagoas de 17,8% na quantidade de CVLIs em relação à 2014. Maceió diminuiu 32,87%.

No último mês de janeiro, foram 206 mortes violentas intencionais contra 222 no mês do ano passado.

Alfredo Gaspar de Mendonça Neto, o secretário de Defesa Social: integração é fundamental