Mais Lidas

Show de horrores

Militares deixam para trás duzentos americanos no Afeganistão

Secretário de Estado Anthony Blinken afirmou hoje que voos militares se encerraram sem retirar todos os americanos

acessibilidade:
Secretário de Estado Anthony Blinken afirmou hoje que voos militares se encerraram sem retirar todos os americanos

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Anthony Blinken, afirmou nesta segunda (30) que os voos militares partido do Afeganistão foram encerrados e todas as tropas retiradas, mas ainda há quase 200 americanos no país tomado pelo Talibã.

Blinken tentou minimizar o fato dizendo que o número é menor que 200 e “provavelmente” mais próximo de 100, mas, em vez disso, acabou confirmando que nem ele sabe o número real de americanos deixados para trás.

“Estamos tentando determinar exatamente quantas pessoas são. Estamos analisando listas, ligando e mandando mensagens”, disse.

Segundo Blinken, o compromisso dos governo Biden com essas pessoas continua. “Há pessoas que moram lá há muito tempo, têm família lá, é uma escolha dolorosa. Se disserem que querem permanecer, e uma semana, um mês depois, mudarem de ideia, vamos ajudá-los. Nosso compromisso não tem data limite”, completou.