Mais Lidas

Obituário

Marco Maciel, exemplo de vice-presidente, morre em Brasília aos 80 anos

Foi um vice discreto, que só agia ajudar o governo, sem conspirar e nem aspirar o cargo do titular

acessibilidade:
Ex-vice-presidente da República Marco Maciel.

O ex-vice-presidente da República Marco Maciel faleceu na madrugada deste sábado (12), aos 80 anos de idade em um hospital de Brasília, onde se encontrava internado.

Ele foi considerado um exemplo de vice-presidente, no governo de Fernando Henrique Cardoso: discreto, sempre agia longe dos holofotes, concedia entrevistas raras vezes e só se mexia para ajudar o governo, jamais para criar dificuldades. Não conspirava contra o presidente, nem aspirava seu lugar.

O presidente nacional do DEM, seu partido, ACM Neto, emitiu nota lamentando o falecimento. “Com sua exemplar atuação na vida pública, escreveu uma história irretocável de dedicação ao nosso país”, disse ele.

O líder do governo na Câmara, deputado Ricardo Barros (PP-PR), também lamentou o falecimento e postou em suas redes sociais uma foto da participação de Maciel, então presidente do PFL, em um comício de sua campanha para prefeito de Maringá. “Venci de virada”, lembrou Barros, que começou sua primeira campanha com apenas 1% das intenções de voto.

Durante décadas Marco Maciel foi protagonista da cena política brasileira, como governador de Pernambuco, ministro de Estado, senador e presidente da Câmara dos Deputados.

Seu falecimento decorre de complicações de Alzheimer. Há anos ele já não reconhecia as pessoas e não era capaz de estabelecer diálogos.

Maciel deixa a mulher Anna Maria e três filhos.

Leia a nota do presidente do DEM, Antonio Carlos Magalhães Neto:

“Neste 12 de junho, o Democratas se despede, já com o coração saudoso, de um dos seus fundadores. Marco Maciel foi um dos mais importantes quadros do nosso partido. Com sua exemplar atuação na vida pública, escreveu uma história irretocável de dedicação ao nosso país.

Em minha trajetória, pude me inspirar e aprender com seus ensinamentos. Ex-vice-presidente da República, Marco Maciel foi uma liderança capaz de motivar políticos de todas as idades. Quando ainda no movimento da Juventude do PFL, recebi palavras e gestos significativos de incentivo que jamais vou me esquecer. Mesmo carinho que nosso fundador direcionou a muitos jovens e políticos ao longo de toda a sua vida.

Homem de elevado espírito público, tenho certeza que o legado de Marco Maciel será lembrado por toda nossa história.

Hoje, envio toda solidariedade e carinho aos familiares e amigos deste grande líder.

Um sincero e fraterno abraço da família Democratas.”