Mais Lidas

CPI da Pandemia

VÍDEO: senador do Amazonas, Braga diz que não faltou verba contra pandemia

Senador da "tropa de choque" da oposição da CPI responsabiliza "governador do Estado, prefeito de Manaus". Veja o vídeo

acessibilidade:

O senador Eduardo Braga (MDB-AM) cometeu ‘sincericídio’ durante a sessão da CPI da Pandemia, nesta quinta-feira (20), em bate-boca com o presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM). Em vídeo amplamente divulgado na redes sociais, o amazonense admite que “não faltou dinheiro não!” na crise da pandemia no estado do Amazonas, em discussão com o conterrâneo Omar Aziz. Veja o vídeo abaixo:

Aziz interrompe e pergunta “e de quem é?”. Braga não hesita: “do governador do estado, do prefeito de Manaus, da saúde pública”. O presidente da CPI então responde: “Fala do prefeito, fala…”. O atual governador do Amazonas é Wilson Lima (PSC) e o prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), que assumiu o cargo em janeiro de 2021. Até dezembro, o prefeito era Arthur Virgílio (PSDB).

Durante o bate-boca, os dois senadores estavam cercados pelos colegas Randolfe Rodrigues (Rede-AP), Humberto Costa (PT-PE), Otto Alencar (PSD-BA) e Renan Calheiros (MDB-AL), relator da CPI, todos integrantes do núcleo duro da oposição ao governo na comissão.

A curiosidade é que tanto Braga, quanto Aziz já foram governadores do Amazonas e são considerados pré-candidatos ao cargo novamente em 2022, assim como o ex-ministro Eduardo Pazuello, depoente do dia na comissão parlamentar de inquérito.

Vídeos Relacionados