Tá feia a coisa

Nada é tão ruim que não possa piorar: Lula ouve Mantega

Vazou reunião sigilosa com equipe de Dilma, que quase quebrou o Brasil

acessibilidade:
Ex-ministro Guido Mantega, em foto de 2023 nas redes sociais.

Nada está tão ruim que não possa piorar, como indica a reunião de Lula (PT) para “ouvir conselhos” da equipe de Dilma Rousseff, incluindo o ex-ministro Guido Mantega, de tristíssima memória – esse pessoal quase quebrou o Brasil. A reunião era secreta, mas vazou: ocorreu na sexta (28), véspera do anúncio do cosmético “corte” de apenas R$26 bilhões em gastos do governo previstos para 2025. Não é nada, não é nada mesmo: em um ano, o gasto sem receita passa dos R$220 bilhões. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O corte de R$25 bilhões, a serem retirados de programas sociais durante todo o ano de 2025, equivalem a uma fração do gasto mensal sem lastro.

Em maio, informa o Tesouro Nacional, o governo torrou R$60 bilhões a mais que arrecadou. O pior maio de sempre em tempo de paz sem covid.

Prevalece na equipe econômica de Lula o conceito de irresponsabilidade fiscal, da cartilha dos economistas da Unicamp: gastança sem limites.