Mais Lidas

Suíça reabre fronteiras para brasileiros a partir de segunda-feira, 13

acessibilidade:

Brasileiros totalmente vacinados podem entrar na Suíça sem a necessidade de quarentena e/ou testes para a Covid-19, mesmo com as novas regras de circulação em espaços fechados impostas pelo país.

A lista de imunizantes aceitos na Suíça inclui todos os que têm sido usados no Brasil, até mesmo a Sinovac (Coronavac), que ainda não é admitida em vários países europeus.

Serão admitidos visitantes vacinados com AstraZeneca, Janssen, Moderna, Pfizer, Serum Institute of India, Sinopharm e Sinovac (Coronavac)

O Escritório de Turismo da Suíça no Brasil (Switzerland Tourism Brazil) divulgou, por meio de nota, que o Conselho Federal Suíço alterou regras de circulação de pessoas que dificultam o turismo de brasileiros no país.

A partir da desta segunda-feira (13), só poderá entrar em restaurantes, museus e espaços fechados (exceto lojas e transporte público) quem tiver um certificado de vacinação para a Covid-19 emitido pela Suíça ou por países da UE. A medida é válida até 24 de janeiro de 2022.

A Suíça foi o primeiro país europeu a reabrir fronteiras para brasileiros. Desde então, o interesse por turismo no país aumentou e, consequentemente, a venda de bilhetes aéreos – o que muitas pessoas não esperavam é que uma restrição de circulação a esse nível seria imposta quase 3 meses depois da liberação das fronteiras.

O Escritório de Turismo da Suíça no Brasil disse que está trabalhando junto ao governo suíço para que certificados de vacinação não-europeus sejam aceitos de alguma forma, mas ainda é incerto. “É preciso ter paciência, ainda vivemos em tempo de pandemia e as regras estão sempre sujeitas a alteração. O importante é estarmos sempre bem informados para instruir nossos passageiros de maneira correta”.