O que têm em comum o ministro Celso de Mello e Rodinei, do Flamengo

acessibilidade:

Ministro aposentado Celso de Mello.

O que o ministro aposentado e ex-decano do STF, Celso de Mello (torcedor do São Paulo Futebol Clube) e o lateral-direito do Clube de Regatas do Flamengo, Rodinei – que ontem (25/08) marcou de cabeça um gol na goleada do seu clube sobre o Grêmio, em Porto Alegre, por 4×0, tem em comum?

Ambos nasceram no município de paulista de Tatui, distante cerca de 150 quilômetros da capital do estado. Celso de Mello nasceu em 1 de novembro de 1945 – está com 75 anos e o lateral do Flamengo em 29 de janeiro de 1992 – está com 29 anos.

Rodinei – Foto: Alexandre Vidas/Flamengo.

Celso de Mello, nomeado para o STF em 17 de agosto de 1989 pelo então presidente da República, José Sarney, permaneceu no cargo até 13 de outubro do ano passado. Ou seja, Celso de Mello permaneceu no Supremo mais tempo do que o lateral Rodinei tem de idade.

A grande pergunta é se os dois tem o mesmo gosto pelo Big Mac do Mac Donalds. Celso de Mello sempre foi, inclusive na época de STF, um frequentador assíduo do Mac Donalds do Park Shopping em Brasília.

Celso de Mello, após a aposentadoria, voltou a residir em Tatuí e Rodinei, que no ano passado estava emprestado ao Internacional de Porto Alegre (clube do coração do ministro aposentado Paulo Costa Leite, ex-presidente do STJ), retornou ao Flamengo e mora na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. (Direito Global)