Mais Lidas

Mudança de status

Alemanha aceita viajantes (vacinados) do Brasil a partir deste domingo

Mas só serão aceitas Pfizer, Moderna, AstraZeneca e Janssen

acessibilidade:

A partir deste domingo (22), o Brasil não será mais considerado zona com variantes do vírus e passará a ser classificado como zona de alto risco.

Essa condição permite que viajantes provenientes do Brasil entrem em território alemão desde que tenham sido imunizados pelas vacinas Pfizer, Moderna, AstraZeneca e Janssen, da Johnson & Johnson)I,

Pessoas com vacinação completa poderão, então, viajar novamente para a Alemanha também para fins de visitas e turismo.

Caso já tenham se passado no mínimo 14 dias da data da última dose da vacina ou da dose única, essas pessoas deverão realizar o registro digital de entrada e apresentar o comprovante de vacinação. O comprovante poderá ser exigido pela Polícia Federal alemã ou pela autoridade competente no momento do controle de fronteira. Passageiros que viajarem de avião devem apresentar os comprovantes à companhia aérea antes do início da viagem.

Uma ampliação abrangendo outras vacinas com um padrão de proteção comparável está prevista assim que os testes necessários forem concluídos.

Na entrada, deverá ser apresentado um Certificado COVID Digital UE ou um comprovante similar digital ou em papel nos idiomas alemão, inglês, francês, italiano ou espanhol. O comprovante deverá conter as seguintes informações:

Os dados pessoais da pessoa vacinada (sobrenome, nome e data de nascimento);
Data da vacinação e número de doses aplicadas;
Nome da vacina aplicada;
Nome da doença alvo da vacina;
Indicadores da pessoa ou instituição responsável pela realização da vacinação ou pela emissão do certificado, por exemplo, um símbolo oficial ou o nome do emissor.
Tratando-se de uma pessoa recuperada, a vacinação pode consistir em apenas uma dose da vacina. A fim de comprovar a vacinação completa dos recuperados, também deve ser comprovado que houve uma infecção com o coronavírus SARS-CoV-2 antes da vacinação. Deve ser apresentado também um teste de PCR positivo como prova da doença. Os comprovantes de recuperação devem estar disponíveis em alemão, inglês, francês, italiano ou espanhol, em formato digitalmente ou em papel.

Pessoas que ainda não completaram doze anos de idade e ainda não foram vacinadas podem entrar na Alemanha apresentando um teste negativo (PCR ou de antígeno) acompanhadas de pelo menos um dos pais totalmente vacinado. Pessoas que ainda não completaram seis anos de idade não precisam apresentar um comprovante de teste.