Eleições 2022

Paraná Pesquisas aponta empate técnico de Lula e Bolsonaro: 40,2% x 36,4%

Cenário espontâneo, quando não se apresenta uma lista de candidatos, tem o petista com 32% contra 29,5% do atual presidente

acessibilidade:
Lula segue sobrando na Bahia e tem 56,8% contra 22,3% de Jair Bolsonaro

Levantamento nacional do Paraná Pesquisas traz Lula com 40,2% das intenções de voto na disputa pelo Planalto contra 36,4% do atual presidente Jair Bolsonaro. Ciro Gomes aparece em terceiro lugar com 7,3%, seguido por Simone Tebet com 4,1%.

Soraya Thronicke teve 0,6% das menções, seguida por Pablo Marçal (0,5%), Felipe D’Ávila (0,3%), Vera Lúcia (0,3%), Léo Péricles (0,1%), Sofia Manzano (0,1%) e Eymael (0,0%). Brancos e nulos somam 5,8% e 4,2% não souberam ou não quiseram responder.

No cenário espontâneo, quando o entrevistado é apenas questionado em quem vai votar, sem apresentação de uma lista de nomes, Lula aparece com 32% contra 29,5% de Bolsonaro.

Ciro tem 4,1%, Simone 1,6%, Marçal 0,3%, Felipe 0,2%, Soraya 0,2%, Vera 0,1% e os demais somaram 0,1%. Nesse caso, brancos e nulos somam 5,2%, mas 26,8% não souberam ou não quiseram responder.

2º turno

Na simulação de segundo turno, Lula tem 47,3% contra 40,3% de Bolsonaro. Brancos e nulo somam 8,7% e 3,7% não souberam ou não quiseram responder. Nessa simulação, a distância caiu para sete pontos percentuais desde agosto, quando chegou ao pico de 9,7%.

A rejeição dos dois líderes continua em níveis bastante elevados com 49,5% afirmando que não votariam em Bolsonaro “de jeito nenhum” enquanto 44,3% dizem o mesmo do ex-presidente Lula.

Avaliação do governo e do presidente

Questionados a avaliar o governo do presidente Jair Bolsonaro, 35,4% o classificaram como ótimo ou bom e 42,7% definiram o governo como ruim ou péssimo. Sobre o presidente, pessoalmente, a aprovação é de 45,7% e a rejeição soma 51% dos entrevistados.

O Paraná Pesquisas ouviu 2.020 eleitores de 164 municípios dos 26 estados e do Distrito Federal entre os dias 31 de agosto e 5 de setembro. O nível de confiança do levantamento é de 95% e a margem de erro é de 2,2% para mais ou menos. Os resultados foram registrados junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-09446/2022.


Reportar Erro