Celebração e investimento

Hyundai comemora 10 anos de Brasil e inaugura fábrica de motores

A nova planta, dentro do complexo industrial da marca em Piracicaba, é a primeira voltada para motores da sul-coreana na América Latina

acessibilidade:
Complexo Industrial Hyundai Piracicaba.
Hyundai comemora 10 anos de Brasil e inaugura primeira fábrica de motores. Foto: HMB.

Há 10 anos, a Hyundai Motor do Brasil (HMB) iniciava a operação oficial da sul-coreana por aqui (até então, e até hoje com alguns modelos, a marca era representada pelo grupo Caoa). De lá para cá, a montadora já produziu 1,7 milhão de veículos no país e, para comemorar o decanato, inaugura a primeira planta de motores da marca na América Latina. 

O evento, realizado nesta terça-feira (20), exatamente na data da saída do primeiro Hyundai HB20 oficialmente produzido em Piracicaba no ano de 2012, contou com a presença de autoridades nacionais, estaduais e municipais, além de executivos locais da empresa e da matriz, na Coreia do Sul, e parceiros de negócios.

“O Brasil era a nação geograficamente mais distante de nossa sede e foi a escolha mais desafiadora devido à sua imensa área, grande população, vastos recursos naturais e alto potencial de mercado automobilístico, tanto em vendas internas quanto como polo de exportação. Após dez anos, estamos testemunhando o sucesso de nossa expansão de negócios neste país e na região das Américas Central e do Sul”, aponta Euisun Chung, CEO mundial do Grupo Hyundai Motor.

Como parte das comemorações de dez anos no Brasil, a Hyundai abriu as portas de sua novíssima fábrica de motores. Operando com tecnologias alinhadas aos conceitos de Indústria 4.0 e com as mesmas características que asseguram a qualidade mundial da marca, a nova linha de motores nacionais passa a integrar plenamente o complexo industrial de Piracicaba a partir deste mês.

“Os últimos dez anos testemunharam uma incrível história de verdadeira liderança, grande paixão e profunda conexão entre duas nações, duas culturas. A marca Hyundai tem caminhado de mãos dadas com o povo brasileiro e mudou completamente a história da indústria automotiva do país, estabelecendo novos padrões de qualidade, inovação e nível de equipamento”, afirma Ken Ramirez, CEO da HMB.

Com investimento de R$ 500 milhões, a nova fábrica de motores tem área construída de 17.721m² e levou pouco mais de um ano para ser finalizada. Sua capacidade inicial de produção é de 70 mil motores ao ano, que serão fabricados por 256 novos funcionários. Esta é a 13ª fábrica de motores da Hyundai no mundo e a primeira na América Latina.

Além disso, ela é a primeira fábrica da Hyundai no mundo a introduzir o AMR, um Robô Móvel Autônomo, na sigla em português, que otimiza o transporte de peças dentro dos processos de fabricação. Esse recurso reduz em 50% o espaço necessário para as peças na linha de produção, graças a um sistema integrado que dispensa a necessidade de acúmulo de itens estocados nos setores. 

Nesta primeira década, a operação brasileira de veículos da Hyundai estabeleceu importantes marcos na indústria e no mercado automotivo nacionais. Em 2016, rompeu com mais de 40 anos de hegemonia das fabricantes mais tradicionais e conquistou a quarta posição em vendas nacionais, tornando-se a primeira montadora a entrar, em menos de cinco anos, para o seleto grupo das “Top 4” automotivas do Brasil. Já em 2018, registrou novo recorde nacional para a produção de um milhão de veículos: apenas cinco anos e dez meses.

No complexo industrial de Piracicaba é produzido desde 20 de setembro de 2012 o Hyundai HB20, nas versões hatch e sedã, exclusivamente desenvolvido para o Brasil. No final de 2016, começa a ser produzido nas mesmas linhas de montagem o Creta que, para o Brasil, recebeu itens de design e especificações exclusivas.