Mais Lidas

Volta à normalidade

Um mês depois do auge da pandemia, voos pelo mundo triplicam

FlightRadar24 registrava 190 mil voos em janeiro, número caiu para 46 mil em abril e já passa dos 121 mil

acessibilidade:
FlightRadar24 registrava 190 mil voos em janeiro, número caiu para 46 mil em abril e já passa dos 121 mil

A aviação foi um dos setores que mais sofreu com efeitos da pandemia do coronavírus. O número de voos diários monitorados pelo site FlightRadar24 caiu de uma média de 190 mil voos em janeiro deste ano para 46 mil no dia 12 de abril, auge das medidas de isolamento social. Desde então, no entanto, o total de voos voltou a aumentar, com retorno gradual à normalidade na maioria dos países. Na última quinta-feira (21), por exemplo, o número quase triplicou e atingiu 121 mil voos. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

A média de voos comerciais monitorados era de 112 mil em janeiro despencou para 23,9 mil, o que equivale a uma queda de 79%.

A volta à normalidade no caso dos voos comerciais vai demandar mais tempo, mas já aumentaram 62,7% desde o auge da pandemia.

Na França, EUA, Grã-Bretanha, Espanha, Alemanha, Noruega etc., companhias aéreas estão recebendo ajuda bilionária dos governos.