Mais Lidas

"Solidariedade"

Reservas venezuelanas de petróleo estão cada vez mais nas mãos dos russos

Putin conseguiu 49,9% da refinaria Citgo, joia venezuelana, como pagamento pela ajuda ao regime de Maduro

acessibilidade:
Putin conseguiu 49,9% da refinaria Citgo, joia venezuelana, como pagamento pela ajuda ao regime de Maduro

As reservas de petróleo da Venezuela estão cada vez mais sob controle russo. Com o país fragilizado pelas sanções dos Estados Unidos e a produção reduzida ao menor nível histórico, o presidente Vladimir Putin, esperto, ofereceu “solidariedade” e fez a petroleira russa Rosneft liberar muito dinheiro ao regime de Nicolás Maduro mediante garantias como a refinaria Citgo, principal joia da coroa da PDVSA, petroleira venezuelana. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O empréstimo da russa Rosneft à venezuelana PDVSA constituiu a compra, na prática, de 49,9% da refinaria Citgo ao final do acordo.

O acordo com os russos prevê pagamentos em petróleo, cuja venda corresponde a 99% de toda a renda da Venezuela com exportações.

Em 2019, enquanto os russos multiplicavam seus lucros, o PIB da Venezuela caiu 35%, ainda sem levar em conta os efeitos da pandemia.

Reportar Erro