Mais Lidas

Oposição de araque

Maia busca entre governistas um nome para ser o seu ‘candidato independente’

Tanto Aguinaldo Ribeiro (PP) quanto Baleia Rossi (MDB) integram a bancada bolsonarista

acessibilidade:
"Bloco" de Maia é apenas um factóide e porque na eleição, o voto é secreto. Foto: Twitter

Para definir seu “candidato independente” à presidência da Câmara, o deputado Rodrigo Maia se fixou em dois nomes… governistas.

Ambos são filiados a partidos de apoio ao governo Jair Bolsonaro no Congresso: Aguinaldo Ribeiro (PP-PB) e Baleia Rossi (MDB-SP).

A jogada de Maia é clara e esperta: dividir os votos do candidato Arthur Lira (PP-AL).

O problema foi a dificuldade de “construir o consenso”, como ele diz, em nome do seu preferido, Aguinaldo Ribeiro, enroladíssimo na Justiça. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

A esquerda conhece bem a turma de Maia e sabe que, na presidência da Câmara, qualquer dos dois vai buscar acordo com Bolsonaro.

Habituados a fazer política, tanto Aguinaldo Ribeiro quanto Baleia Rossi são candidatos que não atrapalham o sono de Bolsonaro.

Maia tem enfrentado uma limitação: não pode falar mal de Arthur Lira no campo moral porque Aguinaldo Ribeiro também coleciona processos.