Mais Lidas

Intoxicação

Suspeita de morte por crack

Bebê com um mês pode ter morrido após ter inalado a droga

acessibilidade:

Hospital Materno Infantil de GoiâniaForam intimados pela Polícia Civil sete familiares da criança morta com suspeita de intoxicação por crack, em Aparecida de Goiânia. De acordo com o relato de familiares, o bebê teria inalado fumaça de crack. O delegado Germano de Castro ainda não informou a data em que os pais da criança vão ser ouvidos. Com os depoimentos dos outros familiares, a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente pretende esclarecer as circunstâncias em que o bebê passou mal e foi levado para uma unidade de saúde com sintomas de intoxicação.

A criança não resistiu após passar seis dias internada em estado gravíssimo no Hospital Materno Infantil (HMI), em Goiânia. A equipe médica do hospital abriu protocolo para a verificação de morte cerebral na noite de quinta-feira (18), mas o bebê morreu no sábado à tarde (20). A assessoria do HMI divulgou que a causa da morte da criança ainda não está esclarecida.