Mais Lidas

OPERAÇÃO XEQUE-MATE

PREFEITO E VICE DE CABEDELO, NA PARAÍBA, SÃO ALVOS DE MANDADO DE PRISÃO

OPERAÇÃO DA PF MIRA ESQUEMA DE CORRUPÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO DA CIDADE PARAIBANA

acessibilidade:
Polícia Federal. Foto: EBC

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta terça (3) a Operação Xeque-Mate, para desmantelar esquema de corrupção da administração da cidade de Cabedelo, na grande João Pessoa, na Paraíba. Prefeito, vice e vereadores do município são alvos de mandado de prisão. Uma das vereadores é, inclusive, esposa do prefeito de Cabedelo.
Os agentes cumprem 11 mandados de prisão preventiva, 15 de sequestros de imóveis e 36 de busca e apreensão, todos expedidos pelo Tribunal de Justiça da Paraíba. Foi determinado ainda o afastamento cautelar do cargo de 85 servidores públicos – entre eles o prefeito e o vice.

As investigações apontam para a participação de autoridades públicos do município em um esquema criminoso envolvendo funcionários fantasmas da Prefeitura de Cabedelo e da câmara municipal, que chegavam a receber até R$ 20 mil. O aumento patrimonial dos envolvidos espantou os investigadores. Um dos envolvidos movimentou mais de R$ 10 milhões, não condizendo com o salário recebido.

Houve ainda doações fraudulentas de imóveis que eram patrimônio público municipal, de alto valor e bem localizados no município, para empresários locais. Não havia critérios objetivos para a escolha de quem receberia as doações.

Os envolvidos devem responder por formação de organização criminosa, corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e fraude licitatória. O prefeito ainda responderá por crime de responsabilidade de prefeito.

Reportar Erro