A pauta da vez

Lira destaca projeto do aborto, mas adia votação para 2º semestre

Presidente da Câmara quer cautela para debater o assunto.

acessibilidade:
O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL). (Foto: Deborah Sena)

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), destacou, nesta terça-feira (18), que o projeto de lei que equipara o crime de aborto, após 22 semanas, ao homicídio será discutido ‘com calma’. Lira vai criar uma Comissão Especial para discutir a proposta e antecipa que ela só deve ser votada no segundo semestre.

“O colégio de líderes aqui presente deliberou também debater -debater- esse tema de maneira ampla no segundo semestre, com a formação de uma comissão representativa, que desta forma o açodamento ou as perguntas não terão como fluir, porque nós só iremos tratar disso após o recesso, na formação desta comissão”, afirmou Lira à imprensa.

O presidente da Câmara dos Deputado diz que tem compromisso com o ‘amplo debate’ dentro da Casa de Leis e que a discussão em torno da matéria ocorrerá de maneira “ainda mais ostensiva, ainda mais clara”.  E completou fazendo a defesa da proposta: “quero reafirmar, com muita ênfase, que nada nesse projeto irá retroagir nos direitos já garantidos e nada irá avançar que traga qualquer dano às mulheres”.