Democracia

Coletivo de direita puxa mobilização em defesa de Silvia Waiãpi

Direita Amapá é o movimento que pede a manutenção do mandato da deputada

acessibilidade:
Protesto em defesa do mandato de Sílvia Waiãpi. (Foto: redes sociais)

Um grupo de pessoas ligadas ao movimento Direita Amapá foi às ruas na Praça dos Povos,  em Macapá, em defesa da deputada Silvia Waiãpi (PL) em virtude da cassação de seu mandato pelo TER-AP.

Uma  ex-assessora acusa a parlamentar de ter usado verbas públicas de campanha para fazer harmonização facial, mas segundo a defesa da deputada, a mesma mulher apresentou às autoridades um recibo de tratamento odontológico.

“Ficou claro que foi uma armação orquestrada. Uma perseguição política para cassar a deputada que é indígena e da direita. Com um recibo falso emitido para a ex-coordenadora e um pagamento da conta da mesma, querem dissimular e atribuir um crime à deputada”, apontou a coordenadora do grupo, Judith Medeiros

E destacou. “Foi uma mobilização pacífica para chamar a atenção da injustiça e da mentira plantada para derrubar uma deputada eleita democraticamente pelo povo do Amapá”.