97ª edição

Atletas de Uganda e do Quênia vencem a São Silvestre; brasileiros ficam em 4°

Brasileiros Jenifer Nascimento e Fábio Jesus Correia chegaram em quarto lugar

acessibilidade:
Pódio feminino São Silvestre. Foto: Reprodução/Redes Sociais

Andrew Rotich Kwemoi, de Uganda, liderou a prova do início ao fim e venceu a corrida São Silvestre 2022, para homens, hoje (31), em São Paulo. Ele fez o tempo de 44min43.

Joseph Panga, da Tanzânia, terminou na segunda posição, com 45min17. Maxwell Kortek Rotich, de Uganda, ficou na terceira colocação, perfazendo o tempo de 45min42.

O melhor brasileiro na prova foi Fabio Jesus Correia, que ficou em quarto lugar. Ele, que encerrou a prova sob forte emoção, cruzou a linha de chegada fazendo 46min13, poucos segundos na frente do quinto colocado, Moses Kibet: 46min15.

O Brasil também chegou ao pódio da São Silvestre na prova feminina. A brasileira Jenifer Nascimento cruzou a linha de chegada na quarta posição, fazendo o tempo de 54min02. A corrida foi vencida pela queniana Catherine Reline, que também liderou de ponta a ponta, fechando a prova em 49min39.

Cadeirantes

Entre os cadeirantes, a vitória foi do brasileiro Carlos Antonio Guedes do Nascimento.

Ele terminou a São Silvestre registrando o tempo de 54min17. Na segunda colocação, Givaldo Augusto dos Santos fez o tempo de 01h06min22. O terceiro lugar foi alcançado por Daniel Silva Nascimento, com o tempo de 1h13min24. (ABr)