Mais Lidas

PLDO 2019

GDF envia à Câmara Legislativa proposta do orçamento do próximo ano

Entre custos previstos está cerca de R$ 220 milhões para contratações no Executivo

acessibilidade:

O texto do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) para o exercício financeiro do próximo ano foi protocolado pelo GDF na Câmara Legislativa, nesta terça (15). A proposta estabelece metas e prioridades da administração para o exercício de 2019. A CLDF tem até 30 de junho para análise e aprovação do projeto.

A previsão do governo para as receitas do próximo ano é de R$ 39,8 bilhões, incluindo os recursos destinados ao Fundo Constitucional do Distrito Federal. Em relação à novos servidores, estão previstas mais de três mil convocações do Executivo — principalmente para a Saúde, Educação e para a Polícia Civil — e 133 nomeações do Legislativo.

Só para reajuste no salário dos servidores do Executivo estão previstos cerca de R$ 220 milhões, a partir do segundo semestre do ano que vem. Já o montante previsto para despesas com pessoal e encargos sociais é de R$ 15,1 bilhões. O valor destinado para servidores pagos pelo Fundio Constitucional é de R$ 14 bilhões.

O gasto com custeio — destinados à merenda escolar, passe livre estudantil, manutenção de escolas, entre outros — é estimado em R$ 7,7 bilhões. Para investimentos, o valor fixado pelo governo no PLDO é de R$ 1,1 bilhão, que serão usados principalmente em projetos que já estão na fase final de execução.