Mais Lidas

Cinco anos de luta

Flamboyant não resiste aos fungos e tomba na frente do Tribunal de Justiça do Distrito Federal

A árvore lutava há cinco anos contra um fungo que dominou seu tronco, estacas a mantinham de pé

acessibilidade:
Ela superou as expectativas , viveu, floriu e encantou a todos por anos Foto: TJDFT

Na tarde desta sexta-feira (10), a frondosa árvore flamboyant não resistiu e tombou, ali, na frente do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), onde encantou a todos que passaram, pelo Eixo Monumental, no centro de Brasília, durante 54 anos.

A árvore originária da ilha de Madagascar, foi plantada sete anos após a inauguração da Capital Federal, em 1967, pelo desembargador Joaquim de Souza Neto.

Essa foi a árvore, cujas sementes geraram as demais, transformou Brasília na cidade mais verde do mundo. A afirmação é do conhecido jornalista brasiliense Valter Lima e que soube da história do flamboyant durante entrevista feita com o saudoso engenheiro florestal Ozanan Coelho na rádio Nacional. Ele era pioneiro e chefiou por muitos anos o Departamento de Parques e Jardins da Novacap. Ozanan Coelho faleceu no ano passado.

Em 2016, técnicos na Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (NOVACAP), detectaram um fungo no tronco da árvore, e alertaram sobre o perigo de queda…Ela persistiu e floriu todos os anos, desde então, estacas ajudaram a manter a bela árvore de pé. Na época, duas mudas da mesma espécie foram plantadas próximas ao flamboyant.

Na tentativa de salvar o flamboyant, uma bióloga da UnB foi acionada para avaliar e tratar a árvore, no entanto, não houve êxito.

Técnicos da NOVACAP estiveram hoje no local e retiraram a árvore caída. A rua que dá acesso ]à garagem do tribunal teve que ser interditada para a finalização do trabalho.