Herança Bolsonaro

Michelle Bolsonaro diz que pode se candidatar se ‘Deus lhe fizer um chamado’

Ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro admite desejo em se candidatar nas próximas eleições e critica governo petista

acessibilidade:
A data para a cerimônia de entrega ainda será definida. (Foto: Alan Santos.)

A ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro admite que pode se candidatar em eleições futuras. Apesar de destacar que essa não é a prioridade do momento, Michelle Bolsonaro afirma que “se, na hora certa, Deus me fizer um chamado e esse desejo arder no meu coração, eu o atenderei como sempre fiz em minha vida”. 

Além de seu anúncio, Michelle Bolsonaro aproveitou a entrevista para o jornal O Povo para fazer duras críticas por causa de “gastos milionários do dinheiro público com passeios” do presidente Lula com a atual primeira-dama Janja. Na opinião de Michelle há um retrocesso na moralidade, com “ameaças reais de liberação do aborto e das drogas”

A ex-primeira-dama ressaltou que o país está em direção sem volta à “venezuelização” e utilizou de jogo de palavras para acusar o presidente petista que está mais “maduro”. 

Sobre as recentes acusações em investigação sobre o recebimento e a destinação de joias presenteado por autoridades da Arábia Saudita ao ex-presidente Jair Bolsonaro (PL-SP), Michelle afirma “Não tenho nada a temer” com delação premiada do tenente-coronel Mauro Cid, ex-ajudante de ordens de Bolsonaro. 

Reportar Erro