Operação Tempus Veritatis

Deputados reagem à operação contra Bolsonaro e aliados: ‘Perseguição’

Na visão do deputado federal Sargento Gonçalves (PL-RN), o objetivo da ação é 'sufocar Bolsonaro e o movimento conservador'

acessibilidade:
Os parlamentares cobram uma resposta do Legislativo. (Foto: Reprodução/Instagram/Acervo Pessoal).

Após a Operação Tempus Veritatis, deflagrada pela Polícia Federal (PF) na manhã desta quinta-feira (8), contra o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e aliados, deputados se manifestaram.

Na visão do deputado federal Sargento Gonçalves (PL-RN) o objetivo da ação é “sufocar Bolsonaro e movimento conservador”.  

“Está mais cristalino do que nunca que o objetivo disso tudo é sufocar Bolsonaro e o movimento conservador. Muito triste o que está acontecendo”, disse Gonçalves. 

Na mesma linha, o deputado federal Rodolfo Nogueira (PL-MS) cobrou uma resposta do Legislativo. 

“Há alguns dias, a operação contra Bolsonaro foi após uma grande live. Hoje, após uma grande manifestação em São Sebastião-SP. Já passou da hora do Congresso Nacional dar um basta nessas perseguições escancaradas”, declarou Nogueira. 

Já o deputado federal Rodrigo Valadares (União-SE) disse que a intenção da investida é tentar acabar com a oposição ao governo do presidente Lula (PT).

“Há uma clara exposição de tentar acabar a oposição desse Governo com a narrativa de ‘golpe’. Um ex-presidente que nem no Brasil estava. A superlatividade de Bolsonaro, seja nas lives quanto nas ruas, é o reflexo da popularidade dele e a insatisfação do povo com o Governo”, afirmou.

Reportar Erro